Frio assusta São Paulo e promete novos recordes em Julho!

O frio chegou com tudo em SP! Junho se despediu com recorde de temperaturas e julho começa gelado. Prepare-se para os dias gelados e descubra os impactos desse frio surpreendente na cidade.

Frio assusta São Paulo e promete novos recordes em Julho!
SP Enfrenta Frente Fria: Máximas Não Ultrapassam 18°C Nesta Sexta-feira! – Crédito: Climatempo

O último sábado de junho trouxe uma reviravolta climática para a Grande São Paulo. Uma frente fria potente rompeu o bloqueio atmosférico que vinha mantendo as temperaturas elevadas na região desde o início de maio, marcando uma mudança drástica no comportamento meteorológico.

Publicidade

Após semanas enfrentando um clima atipicamente quente para a época, com termômetros marcando até 28,8 °C em meados do mês – um recorde igualado após décadas – a capital paulista viu as temperaturas despencarem abruptamente, proporcionando um cenário mais condizente com o inverno sul-americano.

Por que São Paulo registrou um recorde de frio no fechamento de junho?

A resposta para essa queda surpreendente está na intensa massa de ar frio, de origem polar, que acompanhou a frente fria. Esse fenômeno provocou um fechamento de mês com temperaturas significativamente baixas, registrando 12 °C durante a tarde de domingo, um número bastante atípico para o mês de junho na região.

Qual o impacto da frente fria na vida dos Paulistas?

Os efeitos da frente fria não se limitaram apenas a uma mudança no guarda-roupa dos moradores. O frio intenso impactou diversas atividades ao ar livre previstas para o fim de semana, com muitos paulistanos optando por programas indoor. Além disso, o frio trouxe consigo preocupações com a saúde, intensificando campanhas para a prevenção de doenças respiratórias típicas do inverno.

O Que esperar do clima em Julho?

Segundo meteorologistas, a tendência é que o frio continue nos primeiros dias de julho. Estima-se que a temperatura possa incluso alcançar marcas inferiores aos 10 °C nas primeiras horas do dia, especialmente nas áreas mais altas da cidade. Esse cenário faz prever que julho pode começar com novos recordes de baixa temperatura, afetando ainda mais o cotidiano dos residentes da Grande São Paulo.

Publicidade

Para os amantes do frio, o momento é ideal para aproveitar o clima europeu tropicalizado. Entretanto, para aqueles que sentirão falta dos dias mais quentes, a expectativa é que as temperaturas voltem a subir conforme o mês progride, ainda que não atinjam os picos observados em junho.

Enquanto isso, é recomendável manter os casacos à mão e se preparar para mais dias gelados pela frente. Afinal, o clima em São Paulo promete ser tão instável quanto surpreendente nos próximos dias.

Publicidade
Siga a gente no Google Notícias

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber grátis o Menu Executivo Perfil Brasil, com todo conteúdo, análises e a cobertura mais completa.

Grátis em sua caixa de entrada. Pode cancelar quando quiser.