CINEMA NO RIO

Rio de Janeiro recebe festival de cinema do terror

Mais de 60 filmes serão exibidos no festival, com estreia de longas internacionais.

Terror em história em quadrinhos e livros também estará presente no festival. (Créditos: Tomaz Silva/Agência Brasil)

Começou hoje (30) e termina amanhã (1°) no Rio o festival Hell de Janeiro de cinema internacional de terror. O evento completa dez anos de existência e ocorre no Instituto Cervantes do Rio de Janeiro, em Botafogo, zona sul da cidade.

Publicidade

Neste ano e, para comemorar os 10 anos, o evento apresentará ao público a Mostra Internacional de Animação Sombria para Adultos – Animaldiçoados, o Festival Internacional de Cinema de Terror, a feira Artists’ Hell Alley e a palestra Uma história da literatura de horror no Brasil.

A entrada para a sala de exposição é franca, mas o público tem que retirar o ingresso pela internet. Para as sessões de filmes, o ingresso custa R$ 3.

O festival nasceu como uma mostra de animação internacional de terror chamada Animaldiçoados e, em 2019, começou a receber filmes de ficção e documentário experimental, passando a chamar Hell de Janeiro. O Animaldiçoados faz parte da programação e reúne as melhores animações brasileiras e internacionais de terror.

Publicidade
Festival de terror, Hell de Janeiro reúne artistas e suas obras em evento no Instituto Cervantes, no Rio de Janeiro.

Festival Hell de Janeiro no Instituto Cervantes, no Rio de Janeiro – Tomaz Silva/Agênca Brasil

Festival

Cerca de 60 filmes, a maioria curtas-metragens, participam do Festival Internacional de Cinema de Terror, incluindo o longa francês Super Z, que faz sua estreia no evento. As sessões de cinema começam às 14h30 e vão até as 20h. Hoje, serão quatro sessões, no total. Amanhã, serão três sessões de filmes mais a palestra.

Um júri técnico já selecionou os melhores curtas da décima edição do Hell de Janeiro nas categorias carioca, nacional, internacional e animação. “São quatro prêmios principais e as menções honrosas”, disse o diretor e curador do evento, Alexander Vinicius de Mello. A cerimônia de premiação acontecerá amanhã, às 19h30, durante a última sessão de cinema do festival.

Publicidade

Os vencedores receberão R$ 6 mil cada em locação de equipamentos para produção do próximo filme. Já o Centro Técnico Audiovisual (CTAv) oferecerá uma transcrição do filme para o melhor curta carioca. “São serviços de finalização de cinema “, explicou o curador.

Festival de terror, Hell de Janeiro reúne artistas e suas obras em evento no Instituto Cervantes, no Rio de Janeiro.

Publicidade
Festival de terror Hell de Janeiro reúne artistas e suas obras em evento no Instituto Cervantes, no Rio de Janeiro – Tomaz Silva/Agênca Brasil

Artistas

Na feira Artist’s Hell Alley, 30 artistas apresentarão histórias em quadrinhos, literatura, ilustrações, esculturas e pinturas. “São várias artes e todas voltadas para o terror. São artistas independentes e eles mesmos vão fazer a venda dos produtos que estão expondo, não só das artes, mas também bottons e brindes relacionados à arte deles”, conta o diretor.

A palestra Uma história da literatura de horror no Brasil será amanhã (1º), às 14h20. O palestrante é o escritor e roteirista Oscar Nestarez, que apresentará histórias assustadoras no país, destacando características e obras fundamentais dessa tradição.

O Instituto Cervantes do Rio de Janeiro fica na Rua Visconde de Ouro Preto 62, Botafogo. A programação completa do festival pode ser acessada aqui. (Alana Gandra)

Publicidade