Sérgio Camargo quer mudar nome de Fundação Palmares para Princesa Isabel

Não é a primeira vez que Sérgio defende a alteração do nome da instituição

sergio-camargo-quer-mudar-nome-de-fundacao-palmares-para-princesa-isabel
(Crédito: Reprodução/Instagram)

O presidente da Fundação Cultural Palmares, Sérgio Camargo, declarou que deseja mudar o nome da fundação para Princesa Isabel. No último domingo (9), Sergio disse que “não faz sentido homenagear Zumbi dos Palmares, um líder tirano e escravocrata”.

Publicidade

Sérgio ainda afirmou que se essa alteração depende somente dele. ”Já teria feito na base da canetada”, disse Camargo.

“É uma das propostas que constam do projeto que apresentei à Secretaria Especial da Cultura quando fui convidado para assumir a presidência da instituição, em outubro de 2019”, afirmou o presidente.

Contudo, a mudança de nome da fundação deve ser chancelada por outros órgãos federais, como a Câmara dos Deputados.

Essa não é a primeira vez que Sérgio Camargo defende a alteração do nome da instituição. Em novembro de 2021, ele disse que gostaria de homenagear a princesa Isabel, mulher branca que decretou a abolição da escravatura no Brasil.

Publicidade

Na sexta-feira passada (7), a Justiça Federal proibiu Sérgio Camargo de excluir parte do acervo da Fundação Palmares.

O presidente da Fundação está sendo acusado de assédio moral, perseguição ideológica e discriminação contra funcionários da instituição. Devido a essas acusações, Camargo está impossibilitado de nomear e exonerar servidores da instituição.

Criada em 1988 e citada na Constituição, a Fundação Cultural Palmares está atualmente vinculada ao Ministério do Turismo e é responsável por promover e preservar as manifestações culturais negras do país.

Publicidade

Publicidade