David Beckham empresta Instagram a médica na Ucrânia

Irina, chefe do Centro Perinatal Regional, postou vídeos que mostrava o porão onde grávidas e mães foram levadas no primeiro dia da guerra

david-beckham-empresta-instagram-a-medica-na-ucrania
David Beckham (Crédito: AELTC/Ben Solomon – Pool/Getty Images)

David Beckham emprestou sua conta do Instagram a uma médica na Ucrânia. Neste domingo (20), o ex-capitão da seleção inglesa de futebol emprestou sua conta a uma médica que ajuda mulheres a dar à luz na cidade de Kharkiv, no leste da Ucrânia.

Publicidade

Beckham disse a seus 71,6 milhões de seguidores no Instagram para conhecerem o trabalho de Irina, uma anestesista infantil, e sua equipe em meio ao conflito. Ele que é embaixador da boa vontade do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, postou um vídeo em que pede aos seus seguidores para que apoiem o trabalho da organização na Ucrânia.

Irina, chefe do Centro Perinatal Regional, postou vídeos que mostrava o porão onde grávidas e mães foram levadas no primeiro dia da invasão da Rússia. Além disso, ela compartilhou imagens dos recém-nascidos dependentes de oxigênio, que foram doados pelo Unicef e também o vídeo de uma mãe embalando o seu filho, que nasceu no segundo dia da guerra com problemas respiratórios.

Kharkiv foi atingida por muitos ataques russos que destruíram muitos edifícios. De acordo com o G1, Irina afirmou que eles precisaram aprender a trabalhar com os ataques. “Os primeiros dias foram os mais difíceis. Tivemos que aprender a trabalhar com bombardeios e ataques. Provavelmente estamos arriscando nossas vidas, mas não pensamos nisso. Adoramos nosso trabalho.”

Conflito Rússia e Ucrânia

No dia 24 e fevereiro, o governo russo invadiu à Ucrânia e bombardeou regiões do país. Após várias ameaças Vladimir Putin autorizou os ataques por terra, ar e mar. Alguns dos motivos pelo qual esta invasão aconteceu é a aproximação da Ucrânia com o Ocidente.

Publicidade

O presidente da Rússia, Vladimir Putin não aceita que a Ucrânia entre para OTAN. Além disso, Putin quer aumentar o seu poder de influência na região. A Rússia e a Ucrânia já passaram por outros conflitos. Por mais que hoje, a Ucrânia seja independente sua relação com a Rússia não é totalmente resolvida.

“Hoje estou entregando meus canais sociais para Iryna, chefe do Centro Perinatal Regional em Kharkiv, Ucrânia, onde ela está ajudando mães a dar à luz. Acesse os destaques da minha história para saber mais sobre o trabalho incrível que Iryna e profissionais de saúde como ela estão fazendo para salvar vidas na Ucrânia. Por favor, dê o que puder para apoiar @UNICEF e pessoas como Iryna usando o link de doação na minha biografia.”

*Este texto contém informações retiradas do portal G1.