conflito de interesse

Elon Musk pede suspensão do litígio do Twitter para fechar acordo

Os advogados do bilionário e a equipe jurídica da rede social atualizaram o juiz, com tentativa de superar a desconfiança mútua.

elon-musk-pede-suspensao-do-litigio-do-twitter-para-fechar-acordo
Elon Musk (Créditos: Michael Gonzalez/Getty Images)

Elon Musk pediu para um juiz que suspendesse seu litígio, o conflito de interesse, com o Twitter, enquanto aguarda o recebimento do financiamento para o acordo de R$ 229 bilhões por volta de 28 de outubro.

Publicidade

Os advogados do bilionário e a equipe jurídica da rede social atualizaram o juiz, com tentativa de superar a desconfiança mútua e encontrar um processo para fechar o acordo.

Em julho deste ano, Musk quis se afastar do acordo, devido a  quantidade de contas falsas na plataforma, entre outras alegações, que não satisfaziam o bilionário. Parte do caso de Musk foi baseado em alegações do denunciante do Twitter, Peiter “Mudge” Zatko, que se tornaram públicas em agosto.

Possíveis mudanças no Twitter

Ao demonstrar interesse em comprar a empresa, Elon Musk enfatizou que seu objetivo era reforçar a “liberdade de expressão” no Twitter. Ele sugeriu que repensaria a abordagem da rede social à moderação de conteúdo e proibições permanentes no site, com possíveis impactos no discurso civil e no cenário político.

O bilionário também cita a habilitação de  criptografia de ponta a ponta para o recurso de mensagens diretas e o desejo de livrar a plataforma dos bots. Além disso, Musk indica que restauraria a conta do ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump na plataforma, que poderia ser um diferencial, caso ele dispute as eleições em 2024.

Publicidade

++ Elon Musk diz que está disposto a fechar o acordo com o Twitter por US$ 54,20 em 28 de outubro, de acordo com um processo judicial

— The Investor (@leiatheinvestor) October 6, 2022

Publicidade