"doença prolongada"

Ex-presidente da Angola morre aos 79 anos

José Eduardo dos Santos morreu na clínica Barcelona Teknon, onde estava sendo tratado.

Ex-presidente da Angola morre aos 79 anos
José Eduardo dos Santos, ex-presidente da Angola (Crédito: Sean Gallup / Equipa)

O ex-presidente que governou Angola por quase quatro décadas, José Eduardo dos Santos, conhecido como Zédu pelos portugueses, faleceu nesta sexta-feira (08) com 79 anos. O governo angolano informa com grande dor e consternação o falecimento de Santos”, afirma um comunicado divulgado no Facebook. De acordo com a presidência, Zédu, morreu na clínica Barcelona Teknon, onde estava sendo tratado por conta de uma “doença prolongada“. 

Publicidade

O ex-presidente da Angola venceu uma guerra civil brutal e conduziu o país em meio a um boom do petróleo. Em seu partido MPLA, ele é conhecido como “o arquiteto da paz”. Além do mais, José Eduardo deparou-se com seu legado manchado por alegações de corrupção e nepotismo. Aqueles que viveram as décadas de luta, durante o governo do angolano, creditam a ele a estabilidade de um país que vivera em guerra. 

Quando José dos Santos deixou o cargo antes das eleições em 2017 e seu sucessor, João Lourenço, se voltou contra ele, causou grande repercussão entre os angolanos e os deixou chocados. Em seu último discurso como presidente do MPLA, ele disse que “não há atividade humana sem erros, e aceito que também eu tenha cometido alguns“, e esta foi sua última aparição na linha de frente da política. 

“Ex-presidente angolano José Eduardo dos Santos morre aos 79 anos em Barcelona, Espanha, após uma doença, dizem autoridades“.