Porto Rico

Ordem de proteção contra Ricky Martin por violência doméstica é emitida por juiz

A Lei 54 foi criada para estabelecer um conjunto de medidas para prevenir e também combater a violência doméstica em Porto Rico.

ordem-de-protecao-contra-ricky-martin-por-violencia-domestica-e-emitida-por-juiz
Ricky Martin (Créditos: Mike Windle/Getty Images)

A polícia de Porto Rico confirmou neste sábado (2) através de um comunicado que “está em processo de arquivamento de uma ordem de proteção, nos termos da Lei 54, emitida contra o Sr. Enrique Martin”, popularmente conhecido como Ricky Martin. O artista negou as acusações que levaram à ordem.

Publicidade

A Lei 54 foi criada para estabelecer um conjunto de medidas para prevenir e também combater a violência doméstica em Porto Rico. Segundo as autoridades, a ordem foi expedida pela juíza Raiza Cajigas Campbell, do Tribunal de Primeira Instância de San Juan.

Por ser um caso previsto na Lei 54, o nome da pessoa que solicitou o pedido não pode ser divulgado pela polícia. O cantor Ricky Martin comentou neste domingo (3) em seu Twitter à ordem de proteção contra ele. “A ordem de proteção contra mim é baseada em alegações totalmente falsas, então enfrentarei o processo com a responsabilidade que me caracteriza”, escreveu o artista.

“As alegações contra Ricky Martin, levando a uma ordem de proteção, são completamente falsas. Estamos confiantes de que quando os fatos verdadeiros vierem à tona sobre este assunto, nosso cliente Ricky Martin será totalmente justificado”, completou.

Em comunicado, a polícia informou que “A partir do momento em que o policial uniformizado recebeu uma cópia da ordem de proteção, através do novo Centro de Operações e Processamento da Ordem de Proteção (COPOP) da Polícia de Porto Rico, seu processamento foi coordenado pelos agentes”.

Publicidade

Publicidade