caos

Rússia: homens fogem do alistamento militar de Putin

O presidente Vladimir Putin decretou o alistamento de 300.000 reservistas militares.

Russos deixando o país (Créditos: Getty Images)

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, convocou 300.000 reservistas militares para se juntar à guerra na Ucrânia. Dessa forma, russos fogem para escapar do alistamento militar, gerando caos no país.

Publicidade

De acordo com a Novaya Gazeta Europe, mídia russa independente, uma fonte da administração presidencial russa dizendo que o FSB (Serviço Federal de Segurança da Rússia) informou que 261 mil homens fugiram da Rússia desde o anúncio da mobilização militar, em 21 de setembro.

“Na verdade, eu não tenho medo. Se eles quiserem, eles vão conseguir levar todos nós da mesma forma”, diz, resignado, Mikhail Bayankin, um trabalhador de armazém de 28 anos da cidade de Tcherepovets. Eles nos dizem, vá para o front. Eles não se importam se algum dia voltaremos. Somos apenas bucha de canhão para eles”, completou.

O ministério da Defesa do Reino Unido compartilhou uma atualização da Inteligência de Defesa, em 29 de setembro, em que apontam que  “embora os números exatos não sejam claros, provavelmente excede o tamanho da força total de invasão que a Rússia colocou em campo desde fevereiro de 2022“.

Latest Defence Intelligence update on the situation in Ukraine – 29 September 2022

Publicidade

Find out more about the UK government’s response: https://t.co/qYt3fqzP7y

🇺🇦 #StandWithUkraine 🇺🇦 pic.twitter.com/QlXZPwbjbS

— Ministry of Defence 🇬🇧 (@DefenceHQ) September 29, 2022

Publicidade