Pandemia Covid-19

Xangai registra 3 mortos por Covid-19 em novo surto

Essas foram as primeiras mortes desde o início do novo surto de contágio, de acordo com autoridades chinesas. No início de abril, a prefeitura da cidade passou a adotar um regime de lockdown severo

xangai-registra-3-mortos-por-covid-19-em-novo-surto
Teste de Covid-19 (Créditos: Al Bello/Getty Images)

Em Xangai, na China, foram registradas três mortes neste domingo (17) por Covid-19. Esses foram os primeiros óbitos desde o surto de contágio que a cidade se encontra, de acordo com autoridades chinesas.

Publicidade

No início de abril, a prefeitura da cidade passou a adotar um regime de lockdown severo, com cerca de 25 milhões de pessoas confinadas em suas residências. Para andar pelas ruas, é necessário possuir uma autorização especial.

O confinamento obrigatório em Xangai, maior cidade chinesa e importante centro financeiro, já chega a sua terceira semana, o que tem causado polêmica entre moradores, de acordo com o portal G1. As três vítimas anunciadas neste domingo tinham entre 89 e 91 anos de idade, possuíam comorbidades e não estavam vacinadas, segundo a BBC.

Também neste domingo, a cidade registrou 19.831 novos casos assintomáticos e 2.417 casos sintomáticos, de acordo com dados oficiais. Desde o início da pandemia, a China teve 4.638 mortes por Covid-19, sendo apenas 7 delas em Xangai, com base em dados do Our World in Data. Com os novos registros, o número de mortes na cidade pela doença passou a ser 10.

Moradores de Xangai ficaram frustrados com as restrições severas. Muitos usam mídias sociais para expor o descontentamento, por motivos como a dificuldade para obter alimentos, as más condições dos centros de quarentena, a perda de renda e a separação entre familiares. Ainda, brigas com a polícia e protestos foram gerados na cidade.

Publicidade

Publicidade