Fale conosco

O que vc está procurando?

Brasil

Lula viaja para Brasília e deve se encontrar com políticos

Luiz Inácio Lula da Silva deverá viajar hoje (3) para Brasília e se encontrar com políticos e autoridades de partidos de esquerda, além de tentar se reunir com caciques do MDB

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Crédito: Ricardo Stuckert)
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva viaja para Brasília (Crédito: Ricardo Stuckert)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva viaja hoje (3) para Brasília e deve se encontrar com políticos e autoridades de partidos de esquerda, além de tentar se reunir com caciques do MDB. A agenda não foi divulgada e as reuniões não foram confirmadas oficialmente.

Essa é a primeira viagem nacional que o ex-presidente realiza depois da decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de anular as condenações da Lava Jato. De acordo com o portal de notícias UOL, a assessoria do presidenciável negou que a viagem tenha como objetivo tratar de assuntos eleitorais, mas sim temas como vacinação e auxílio emergencial.

Entre as possíveis reuniões com políticos estão os senadores Fabiano Contarato (Rede-ES) e Weverton Rocha (PDT-MA), embaixadores e representantes da cúpula, como o ex-presidente José Sarney.

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), também foi cotado para um encontro com o ex-presidente Lula. Entretanto, foi avaliado que esse encontro com o relator da CPI da Covid poderia repercutir no trabalho da comissão. O objetivo é investigar ações e omissões da gestão federal na pandemia do Coronavírus, o que pode gerar uma responsabilização para o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido).

Segundo o portal UOL, a assessoria de Renan negou o encontro. A equipe de José Sarney não retornou o contato.

Na semana passada, Bolsonaro visitou o ex-presidente Sarney em Brasília para pedir apoio no diálogo entre Renan Calheiros e o Planalto, o que estava fora da agenda. De acordo com o UOL, o encontrou durou cerca de uma hora e apenas os dois participaram.

CPI da Covid

Nesta terça-feira (4), na comissão que apura a gestão do Presidente na pandemia, vão depor os ex-ministros da Saúde Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich.

No decorrer da semana, também vão depor outro ex-ministro da pasta, Eduardo Pazuello, e serão questionados o atual ministro, Marcelo Queiroga, e o Presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antônio Barra Torres.

Mais em Perfil

Últimas Notícias