véspera das eleições

Datafolha: 54% afirmam ter vivido alguma situação de constrangimento em razão de posições políticas

Entre todos os entrevistados, 49% dos eleitores brasileiros diz ter deixado de conversar sobre política com amigos e familiares nos últimos meses para evitar discussões.

datafolha-54-afirmaram-sentir-constrangimento-por-posicoes-politicas
(Créditos: Rovena Rosa/ Agência Brasil)

A pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (31) pelo jornal “Folha de S.Paulo” aponta que 54% dos eleitores afirmam ter vivido alguma situação de constrangimento, ameaça física ou verbal em razão de suas posições políticas nos últimos meses.

Publicidade

O contingente é mais alto entre simpatizantes do PT (63%), eleitores de Lula (58%), mais instruídos (62%), que reprovam o governo Jair Bolsonaro (PL) (62%), autodeclarados pretos (60%) e homossexuais e bissexuais (65%).

Entre todos os entrevistados, 49% dos eleitores brasileiros diz ter deixado de conversar sobre política com amigos e familiares nos últimos meses para evitar discussões. Além disso, 15% disseram já ter recebido ameaça verbal e 7%, física.

Entre os que afirmam ter sofrido ameaça verbal, o índice passa a 19% entre os que têm intenção de votar em Lula. Já entre os que dizem votar em Bolsonaro, o índice é de 12%. Em relação a ameaças físicas, o índice é de 9% entre eleitores de Lula e de 5% entre os de Bolsonaro.

Publicidade

A pesquisa Datafolha, contratada pela Folha, ouviu 2.556 pessoas em 183 cidades do país entre quarta (27) e quinta (28). A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos. O levantamento foi registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número BR-01192/2022.

Publicidade