SEM CITAR NOMES

FHC defende voto a favor da democracia

Ex-presidente pediu que eleitores votem em candidatos que defendem as instituições, a ciência e a diversidade.

(Crédito: Valter Campanato/ Agência Brasil)

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) emitiu, nesta quinta-feira (22), uma nota  defendendo que a população brasileira vote a favor da democracia. O texto não cita o nome de nenhum  dos candidatos à Presidência.

Publicidade

Na carta divulgada pelas redes sociais, Fernando Henrique Cardoso escreveu sobre a importância dos eleitores escolherem, nessas eleições, candidatos que têm compromisso com a ciência, preservação do meio ambiente e o fortalecimento das instituições democráticas.

“Peço aos eleitores que votem no dia 2 de outubro em quem tem compromisso com o combate à pobreza e à desigualdade, defende direitos iguais para todos independentemente da raça, gênero e orientação sexual, se orgulha da diversidade cultural da nação brasileira, valoriza a educação e a ciência e está empenhado na preservação de nosso patrimônio ambiental, no fortalecimento das instituições que asseguram nossas liberdades e no restabelecimento do papel histórico do Brasil no cenário internacional”, afirmou FHC.

 

Publicidade

O ex-presidente não citou diretamente nenhum candidato à Presidência, nem o líder nas pesquisas Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e nem o segundo colocado Jair Bolsonaro (PL). Seu partido, o PSDB, integra a chapa da candidata Simone Tebet (MDB) e indicou a candidata a vice-presidente Mara Gabrilli

Nos últimos dias, ex-ministros do governo FHC, como Miguel Reale, José Carlos Dias, Aloysio Nunes e José Gregor,  se manifestaram e declararam voto em Lula. O candidato a vice-presidente na chapa do petista, Geraldo Alckmin, atualmente no PSB, foi filiado ao PSDB por 33 anos.

Publicidade