Jovem baleado na cabeça em Cordovil está em estado grave

A mãe e o menino entraram na comunidade da Cidade Alta por engano

jovem-baleado-na-cabeca-em-cordovil-esta-em-estado-grave
Criminosos atingiram o carro em que estava a mãe e o menino (Crédito: Reprodução / Twitter @alertariorj)

O jovem de 17 anos, baleado na cabeça e Cordovil segue em estado grave. Caio Douglas Nascimento, entrou por engano junto a mãe na comunidade da Cidade Alta, em Cordovil, Zona Norte do Rio. Dentro do carro, o menino foi atingido por um tiro na cabeça.

Publicidade

De acordo com moradores de Irajá, também na Zona Norte, Caio e a mãe estavam voltando para casa depois de visitarem um tio em Magé, Baixada Fluminense. Na Estrada do Porto Velho, a mãe errou o caminho e entrou na Cidade Alta. Os criminosos atiraram contra o carro dela e atingiu Caio.

O jovem de 17 anos está internado em estado gravíssimo no Hospital Getúlio Vargas, na Penha, Zona Norte do Rio. Caio passou por um exame de tomografia na ilha do Governador, mas retornou para o Hospital Getúlio Vargas. Segundo uma amiga da vítima, o menino se apresentaria nesta quarta-feira (02), ao serviço militar obrigatório.

Casos como o de Caio tem sido recorrentes em comunidades. Dos últimos que aconteceram, pelo menos dois aconteceram na Cidade Alta. Em outubro de 2020, e em dezembro de 2021 tiverem casos de pessoas que foram atingidas ao entrarem por engano.

Na manhã desta quarta-feira (02), como resposta ao incidente a Polícia Militar entrou em ação nas comunidades Cidade Alta, Pica-pau e Cinco Bocas. Um criminoso foi preso.

Publicidade

Publicidade