TSE convida União Europeia para observar eleições de 2022

Além da UE, outras instituições internacionais foram convidadas para observar o pleito de 2022

tse-convida-uniao-europeia-para-observar-eleicoes-de-2022
Bandeira da União Europeia (Crédito: Canva Fotos)

O Superior Tribunal Eleitoral (TSE) convidou a União Europeia para observar as eleições deste ano. O primeiro turno do pleito está marcado para o dia 2 de outubro, e o segundo, para o dia 30 do mesmo mês. A informação foi divulgada nesta terça-feira (12) pela Reuters.

Publicidade

O vice-presidente da Comissão Europeia e responsável pelos setores de política externa e de segurança do bloco, Josep Borrell já teria respondido ao TSE no mês passado, agradecendo o convite e informando que iria consultar os estados-membros da União Europeia e também o Parlamento Europeu.

O TSE informou que também convidou outras instituições internacionais para observar o pleito de 2022. Entre elas, a Organização dos Estados Americanos (OAS), o Centro Carter, o parlamento do grupo Mercosul e a Fundação Internacional de Sistemas Eleitorais (IFES).

“A Organização dos Estados Americanos já havia sido convidada para observar as eleições de 2018 e 2020. Este ano, estamos convidando outras instituições”, declarou um funcionário do TSE.

Publicidade