Para os Pequenos

CPB lança série animada sobre inclusão de pessoas com deficiência

A ideia é levar uma visão inclusiva da sociedade às crianças.

CPB lança série animada sobre inclusão de pessoas com deficiência
Personagens da “Paramigos Imparáveis”, nova série da CPB (Crédito: Divulgação/CPB)

Uma equipe de heróis, que têm a missão de impedir o fim dos recursos minerais do planeta, em uma história que aborda a inclusão social de pessoas com deficiência. Esta é a premissa de uma série animada chamada “Paramigos Imparáveis”, que terá 26 episódios e com estreia prevista para o próximo ano em diferentes plataformas. O lançamento será nesta quarta-feira (31), em painel do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) na Licensing Con, feira de licenciamento de marcas, na Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo.

Publicidade

Os heróis são as crianças Geeky (que é cadeirante) e Turi, além dos animais Zoom (morcego cego), Guará (lobo amputado de uma perna), Nina (onça que utiliza prótese no lugar de uma pata) e Narciso (capivara). Segundo a XGuides, agência responsável pela criação do conteúdo em parceria com o CPB, a ideia é levar uma visão inclusiva da sociedade às crianças, mostrando que, independentemente do tamanho do desafio e das condições, equilíbrio, resiliência e trabalho em equipe tornam as conquistas possíveis.

No mesmo painel, o CPB lançará a marca “Brasil Paralímpico”, também desenvolvida junto à XGuides, que será o escudo de identificação oficial das delegações do país em eventos internacionais, como Jogos Parapan-Americanos e Paralimpíadas. O intuito, conforme o Comitê, é ampliar o alcance do movimento junto ao público em futuros produtos licenciados.

“Desde os Jogos Paralímpicos de Pequim [China], em 2008, o Brasil tem se mantido no top-10 mundial. A evolução é notória, mas temos a ambição de melhorar nas próximas edições. Para isso, criamos mais este projeto inovador no mercado e buscamos novos investimentos tanto para a base quanto para o alto rendimento. Dentro desta ideia, é essencial comercializarmos produtos licenciados e expandirmos as marcas do CPB”, declarou Mizael Conrado, presidente do Comitê, em nota à imprensa.

Publicidade