Tensão internacional

Japão rastreia navios de guerra chineses e russos perto de seu território

Este é um sinal da aparente pressão que os dois parceiros vêm exercendo sobre Tóquio.

japao-rastreia-navios-de-guerra-chineses-e-russos-perto-de-seu-territorio
Lhasa, um dos navios da China (Créditos: Ministério da Defesa do Japão)

Ao menos oito navios de guerra russos e chineses foram vistos nos mares perto do Japão nesta semana. Este é um sinal da aparente pressão que os dois parceiros vêm exercendo sobre Tóquio, à medida que as relações são afetadas, devido às questões de Ucrânia e Taiwan.

Publicidade

O Ministério da Defesa do Japão afirmou nesta terça-feira (21) que suas forças observaram cinco navios de guerra russos, liderados por um destróier antissubmarino atravessando o Estreito de Tsushima, que separa o Japão da Coreia do Sul. Em comunicado à imprensa, o ministério disse que a frota russa está perto das ilhas japonesas há uma semana, de Hokkaido, no Norte, a Okinawa, no Sul.

Nas Ilhas Izu, a cerca de 500 quilômetros ao sul da capital Tóquio, foram vistos nesta terça-feira (21) pelo menos dois navios e guerra chineses e uma embarcação de suprimentos. O ministério afirmou que o grupo opera em águas próximas ao Japão desde 12 de junho.

“Esta é uma demonstração óbvia de força da Rússia e da China”, disse James Brown, professor associado de ciência política da Temple University, em Tóquio, de acordo com a CNN. “Essas atividades são uma grande preocupação para o Japão. Além disso, rastrear os movimentos das forças militares russas e chinesas é uma pressão sobre as Forças japonesas”, completou.

Publicidade