Conflito Rússia X Ucrânia

Mais de 8 milhões de pessoas estão deslocadas na Ucrânia

Desde o início da invasão cerca de 13,9 milhões de pessoas foram deslocadas da Ucrânia.

mais-de-8-milhoes-de-pessoas-estao-deslocadas-na-ucrania
Refugiados ucranianos (Crédito: Dan Kitwood/Getty Images)

Mais de oito milhões de pessoas foram deslocadas internamente na Ucrânia, de acordo com o último relatório da Organização Internacional para as Migrações (OIM). Cerca de 18% da população ucraniana está deslocada, segundo o 4º Relatório de Deslocamento Interno da Ucrânia, publicado nessa segunda-feira (9).

Publicidade

O diretor-geral da OIM, António Vitorino disse que a necessidade dos deslocados na Ucrânia crescem a cada dia. Uma pesquisa feita no começo de maio mostrou que 63% dos deslocados internos são mulheres, 50% das famílias possuem filhos e 55% incluem idosos. Além disso, mais de 30% têm pessoas com doenças crônicas.

Desde o início da invasão pelo menos 13,9 milhões precisaram se deslocar internamente ou para o exterior. Mais de 5,9 milhões de refugiados deixaram a Ucrânia para viver em países vizinhos. Já em relação aos civis mortos, a chefe da Missão de Monitoramento de Direitos Humanos da ONU no país, Matilda Bogner disse que 3.381 é o número apontado pela organização.

Conflito Rússia e Ucrânia

No dia 24 e fevereiro, o governo russo invadiu a Ucrânia e bombardeou regiões do país. Após várias ameaças, Vladimir Putin autorizou os ataques por terra, ar e mar. Um dos motivos desta invasão é a aproximação da Ucrânia com o Ocidente.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin não aceita que a Ucrânia entre para OTAN. Além disso, Putin quer aumentar o seu poder de influência na região. A Rússia e a Ucrânia já passaram por outros conflitos. Por mais que hoje, a Ucrânia seja independente, sua relação com a Rússia não é totalmente resolvida.

Publicidade

Publicidade