Fale conosco

O que vc está procurando?

Saúde

Mapa de Risco mostra o Rio com redução de 13% no número de óbitos

mapa-de-risco-mostra-o-rio-com-reducao-de-13%-no-numero-de-obitos

A 43ª edição do Mapa de Risco da Covid-19, divulgada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), mostra que o estado do Rio de Janeiro teve redução de 13% no número de óbitos provocados pela covid-19 e de 20% nas internações por síndrome respiratória aguda grave (SRAG), entre as semanas epidemiológicas 28 (11 a 17 de julho) e 30 (de 25 de julho a 31 de julho).

Apesar do levantamento apresentar o estado em risco baixo (bandeira amarela) pela quinta semana consecutiva, os indicadores epidemiológicos e a capacidade do sistema indicam tendência de alta em algumas regiões. A SES acionou o Plano de Contingência, que prevê de forma preventiva a abertura de mais 20 leitos no Hospital Doutor Ricardo Cruz, unidade exclusiva para atendimento de covid, que já opera hoje com 150 leitos.

O planejamento também prevê um chamamento público para contratação de leitos de CTI e a suspensão da desmobilização do Hospital Regional do Médio Paraíba Doutora Zilda Arns, que estava sendo transformado para atender pacientes não covid.

O secretário estadual de Saúde, Alexandre Chieppe, disse que foi observado  “um discreto aumento de casos nessas últimas semanas e, de forma antecipada, colocamos em prática o Plano de Contingência da Covid-19. Ele prevê a ativação de níveis de contingência a partir de determinados cenários epidemiológicos e nos permite tomar algumas decisões, como a abertura ou o fechamento de leitos, com mais tranquilidade”.

Das nove regiões do estado, cinco permanecem em bandeira amarela: Médio Paraíba, Serrana, Baixada Litorânea, Baía da Ilha Grande e Metropolitana II. As regiões Metropolitana I e Noroeste permanecem em bandeira vermelha. As regiões  norte e centro-sul estão em bandeira laranja.

Cada bandeira representa um nível de risco e um conjunto de recomendações de isolamento social, que variam entre as cores roxa (risco muito alto), vermelha (risco alto), laranja (risco moderado), amarela (risco baixo) e verde (risco muito baixo).

(Agência Brasil)

Mais em Perfil

Últimas Notícias