Live do Presidente

Bolsonaro diz que Forças Armadas “não estão se metendo” na eleição

A fala veio em tom de crítica em relação ao comentário de Fachin, que afirmou que “nada e nem ninguém vai interferir na Justiça Eleitoral”.

petrobras-tem-que-cumprir-sua-funcao-social-diz-presidente
(Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O Presidente da República Jair Bolsonaro (PP) afirmou durante sua live, nesta quinta-feira (12), que as Forças Armadas “não estão se metendo” na eleição. A fala veio em tom de crítica em relação ao comentário do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, que afirmou que “nada e nem ninguém vai interferir na Justiça Eleitoral”, além de completar dizendo que quem cuida das eleições são as “forças desarmadas”.

Publicidade

No meio da instabilidade entre os Poderes, o presidente fez a seguinte colocação:

Publicidade

“Eu não sei de onde ele [ministro Edson Fachin] está tirando esse fantasma de que as Forças Armadas querem interferir na Justiça Eleitoral. Deixo claro que, em 2018, por ocasião das eleições, 56 mil militares participaram da segurança. E, em 2020, 32 mil militares. Deixo claro que as Forças Armadas não estão se metendo nas eleições. Elas foram convidadas por uma portaria do então presidente [do TSE] Barroso (…) Não existe interferência, ninguém quer impor nada, ninguém quer atacar as urnas eletrônicas, atacar a Democracia, nada disso.”

 

 

Publicidade