BRASILEIRO CAMPEÃO DA F2

Drugovich é chamado para ser piloto reserva da F1

Jovem natural do Paraná foi o primeiro piloto da F2 a vencer todas as provas em um fim de semana

Felipe foi o primeiro brasileiro a vencer a F2 (Créditos: Reprodução/Felipe Drugovich via Site)

Após ser Campeão da Formula 2 na Itália neste fim de semana, o brasileiro Felipe Drugovich foi contratado pela Aston Martin para ser um dos pilotos reservas da marca na Formula 1.  O jovem de 22 anos também será o primeiro integrante do programa de desenvolvimento de pilotos da empresa.

Publicidade

De acordo com a Aston Martin, Felipe Drugovich deve fazer seu primeiro treino livre com carros da Fórmula 1 no Grande Prêmio de Abu Dhabi, que ocorrerá no dia 20 de novembro, onde o brasileiro também participará de um teste no circuito de Yas Marina. “Para 2023, ele realizará um extenso programa de testes ao volante do carro AMR21 de 2021 e participará de GPs selecionados como membro da equipe“, informou a empresa.

Vai ser muito divertido correr uma milhas com esse carro, ele é bem diferente do que eu estava acostumado na F2. Acho que um dia todo de teste com ele vai me ajudar bastante” disse Felipe em um comunicado publicado em seu instagram.

Felipe Drugovich também disse à imprensa que tomará a oportunidade para aprender e se desenvolver como piloto, o brasileiro almeja em correr na Formula 1 no futuro.

Publicidade

O brasileiro está no automobilismo desde 2011, quando foi campeão brasileiro de Kart pela primeira vez, na categoria Cadete, tendo começado a dirigir os carros da Fórmula somente 5 anos depois. Em 2022, ele se tornou o primeiro piloto da Fórmula 1 a vencer todas as provas em um final de semana

O Brasil não tem pilotos no grid de largada em 2022, sendo o mais recente em provas da F1 Pietro Fittipaldi, que competiu duas vezes como reserva da equipe Haas em 2020.

Publicidade