Conflito Rússia x Ucrânia

Chanceler russo diz que Rússia não quer guerra na Europa

O ministro Sergei Lavrov afirmou que países ocidentais estavam interessados em ver a Rússia derrotada em sua ação militar na Ucrânia.

chanceler-russo-diz-que-russia-nao-quer-guerra-na-europa
Sergei Lavrov (Créditos: Sean Gallup/Getty Images)

O ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse nesta quarta-feira (11) que Moscou não quer guerra na Europa. Ele completou dizendo que países ocidentais estavam interessados em ver a Rússia derrotada em sua ação militar na Ucrânia.

Publicidade

“Se você está preocupado com a perspectiva de guerra na Europa – não queremos nada disso”, disse o Ministro em entrevista coletiva em Mascate, de acordo com o portal Investing.

“Mas chamo sua atenção para o fato de que é o Ocidente que está constantemente e persistentemente dizendo que, nesta situação, é necessário derrotar a Rússia. Tire suas próprias conclusões”, completou o ministro. Nesta quarta-feira (11), o conflito entre Rússia e Ucrânia chega a seu 77º dia.

Entenda o conflito

Desde o dia 24 de fevereiro, Vladimir Putin deu início ao conflito contra a Ucrânia ao bombardear regiões do país. A invasão contou com domínios por terra, mar e ar, após autorização do presidente russo.

Publicidade

Vladimir Putin não aceita que a Ucrânia faça parte da OTAN, uma aliança criada pelos Estados Unidos. O presidente não deseja que uma base inimiga seja estabelecida próxima a seu território, uma vez que a Ucrânia faz fronteira com a Rússia. Esse foi um dos estopins para que Putin iniciasse os ataques.