China sofre novo surto de Covid-19

Autoridades iniciam plano com quarentena para contenção do vírus em Xangai, mais de 25 milhões de pessoas vivem na cidade

china-sofre-novo-surto-de-covid-19
Agentes de saúde nas ruas de Xangai (Créditos: Hu Chengwei/Getty Images)

Um novo surto de Covid-19 preocupa autoridades na China. Neste domingo (3), mais de 2.000 médicos do Exército de Libertação Popular da China foram recrutados para ajudar a conter o vírus em Xangai, maior centro financeiro e cidade mais populosa do país, com cerca de 25 milhões de habitantes.

Publicidade

No domingo (3), mais de 8.000 casos assintomáticos de Covid-19 foram reportados, além de 425 casos de pessoas com sintomas.

A equipe, que conta com outros 10.000 profissionais da área da saúde, chega para ajudar na triagem, no diagnóstico, na testagem em massa e no controle da disseminação do vírus, segundo a imprensa local.

Essa é a maior intervenção de saúde pública desde o início em Wuhan, quando 4.000 médicos foram enviados à cidade.

Xangai se encontra em quarentena desde o dia 28 de março, quando decidiu fechar todos os negócios não essenciais e também pausar a circulação dos transportes públicos.

Publicidade

A China, que tem mais de 85% de sua população vacinada, sofre com o novo surto de Covid-19 devido à sua nova variante Ômicron, muito mais contagiosa do que as outras, de acordo com especialistas.

Publicidade

Nesta segunda-feira (4), iniciou-se o plano de testagem, enquanto a cidade se preparava, novamente, para transformar suas escolas, prédios públicos e até centros de exposições em hospitais de campanha para abrigar as pessoas afetadas.