Fale conosco

O que vc está procurando?

Mundo

Alemanha tem o dia com mais mortos por Covid-19 desde fevereiro

Numa conferência de imprensa, o chefe da OMS para a Europa, Hans Kluge, disse que o continente pode ter mais meio milhão de mortes até fevereiro

Alemanha tem o dia com mais mortos por Covid-19 desde fevereiro
As taxas de vacinação estagnaram na Alemanha à medida que os casos aumentaram (Crédito: Sean Gallup/Getty Images)

A Alemanha relatou o maior número de mortos por Covid-19 desde meados de fevereiro nessa quarta-feira (01), quando os hospitais alertaram que o país poderia ter 6.000 pessoas em terapia intensiva até o Natal, acima do pico do inverno passado.

O Instituto Robert Koch, agência estatal de doenças infecciosas da Alemanha, relatou 67.186 novos casos na quarta-feira, 302 a mais que na semana anterior, e 446 mortos – o maior número diário desde 18 de fevereiro, elevando o número total de mortos para 101.790.

No entanto, a taxa de incidência de sete dias por 100.000 caiu pelo segundo dia para 442,9 pessoas, de 452,2 pessoas na terça-feira.

Os governos federal e regional da Alemanha concordaram na terça-feira em tomar medidas para conter a quarta onda de Covid-19, incluindo intensificar a campanha de vacinação e restringir o contato, especialmente para pessoas não vacinadas.

Já criticados por cientistas por terem agido tarde demais desde fevereiro, os líderes concordaram em tomar decisões firmes na quinta-feira sobre propostas como forçar os clientes a mostrarem provas de vacinação ou recuperação em lojas e limitar o número de pessoas em grandes eventos.

Gernot Marx, presidente da associação DIVI de medicina intensiva, alertou que o país ainda pode ter 6.000 pessoas em terapia intensiva até o Natal, independentemente das medidas agora decididas pelos políticos, que aconteceram tarde demais desde fevereiro.

Isso se compara a uma alta anterior de 5.745 pacientes com coronavírus em terapia intensiva em 3 de janeiro. A Alemanha também tem menos leitos disponíveis agora, devido à falta de pessoal de enfermagem.

Quatro pessoas no sul da Alemanha testaram positivo para a variante Omicron Covid-19, embora tenham sido totalmente vacinadas contra o Covid-19, disse o escritório de saúde pública do estado de Baden-Wuerttemberg. Existe um receio que a Alemanha continue relatando um grande número de mortos por Covid-19 por conta da variante Omicron, já que estavam desde meados de fevereiro sem um pico tão alto de mortos.

Três das pessoas infectadas com Covid-19 voltaram de uma viagem de negócios à África do Sul em 26 e 27 de novembro, respectivamente, e a quarta pessoa é parente de um dos repatriados. Todos os quatro apresentaram sintomas moderados.

Maria Van Kerkhove, líder técnica da OMS na Covid-19 disse em suas redes sociais:

”Importante: Delta é dominante em todo o mundo e precisa ser controlado. O que fazemos pela Delta beneficiará a Omicron – não importa o que aprendamos sobre essa variante. Agora, precisamos continuar a reduzir a transmissão, aumentar a cobertura de vacinação nas populações de risco.”

”Um apelo: os países que reduziram a transmissão precisam permanecer vigilantes e manter a transmissão baixa (e não, não quero dizer com bloqueios). Queremos dizer medidas personalizadas e direcionadas em todos os países com base em epi e capacidades.”

Mais em Perfil

Últimas Notícias