Alckmin anuncia novos nomes para equipe de transição

Também estavam presentes no anúncio a presidente do PT, Gleisi Hoffmann e o ex-ministro Aloizio Mercadante.

alckmin-novos-nomes-equipe-transicao
Geraldo Alckmin (Créditos: Alexandre Schneider/Getty Images)

O vice-presidente eleito Geraldo Alckmin anunciou nesta quarta-feira (16) mais nomes que irão integrar a equipe de transição do governo Jair Bolsonaro para o governo de Luiz Inácio Lula da Silva. O anúncio foi feito na sede do Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), em Brasília.

Publicidade

Também estavam presentes no anúncio a presidente do PT, Gleisi Hoffmann e o ex-ministro Aloizio Mercadante. Alckmin foi nomeado coordenador da equipe de transição.

Alguns dos nomes anunciados foram: Marina Silva, Izabella Teixeria, Flavio Dino, Camilo Santana, Helder Barbalho, Paulo Câmara, Randolfe Rodrigues, Omar Aziz, Neri Geller, Kátia Abreu, Helena Chagas, Miguel Rossetto, Manuela D’Avila, Hélio Doyle, Andre Janones, Tereza Cruvinel, Florestan Fernandes Junio, Sônia Guajajara, Aloysio Nunes Ferreira, Celso Amorim e Marcelo Freixo.

Dentre esses estão ex-governadores, deputados, senadores, ex-parlamentares, ex-ministro especialistas em diversas áreas e lideranças indígenas. O processo de transição, previsto na legislação, permite que o presidente eleito forme uma equipe com 50 cargos remunerados.

A equipe de Lula foi organizada em 31 grupos técnicos, que são divididos por temas, como saúde, relações exteriores, trabalho, entre outros. Também é possível que voluntários participem do trabalho.

Publicidade

Por orientação do presidente @LulaOficial, que está na COP27 a convite do presidente do Egito, divulgamos, aqui em Brasília, mais uma leva de especialistas que passam a nos apoiar na construção do Brasil do Futuro compondo os grupos técnicos da transição. Segue o 🧶:

— Geraldo Alckmin 🇧🇷 (@geraldoalckmin) November 16, 2022

Publicidade