GOVERNO DO RIO

Governador eleito do Rio diz que vai fazer governo voltado para o povo

Castro chamou sua vitória de “totalmente pedagógica” e prometeu “Rio unido”.

Governador eleito do Rio diz que vai fazer governo voltado para o povo
Reeleito, governador promete valorizar mais a segurança pública do Rio. (Créditos: Fernando Frazão/Agência Brasil)

O governador Cláudio Castro (PL) foi reeleito no Rio de Janeiro para o segundo mandato com 58,22% dos votos válidos derrotando o deputado federal Marcelo Freixo (PSB) , o segundo colocado, com 27, 67% dos votos válidos. Após a vitória em sua conta no Instagram, Castro publicou: “Muito obrigado Rio. Vencemos. O Rio vai continuar melhorando”.

Publicidade

Ao falar aos eleitores, Castro agradeceu em primeiro lugar a Deus, por tudo o que ele fez em sua vida. “Tenho certeza que ele me ajudou e me fez crescer”. Castro disse ainda que “essa vitória é uma vitória da humildade, totalmente pedagógica. Em momento algum a campanha deixou de falar de propostas, daquilo que o povo queria ouvir”.

O governador eleito disse ainda que “teremos um Rio unido”. “A partir de agora serei o governador desses 17 milhões de todo o Rio de Janeiro. Nós lutaremos todos os dias para fazer um governo para todos. Criaremos mais restaurantes do povo, café da manhã para os mais humildes, descentralizando a saúde de verdade. Um governo que não será um governo de ataques, mas sim de diálogo, de evolução, de crescimento. O Rio da segurança pública valorizada, sobretudo nas partes sociais, uma polícia voltada para ajuda ao morador”, explicou Castro.

Votação

Cláudio Castro acompanhou a totalização dos votos nos 92 municípios fluminenses do estado do Rio no Rio Othon Palace Hotel, na zona sul do Rio. Castro ingressou na política, sendo eleito pela primeira vez como vereador do Rio e em 2018 foi escolhido para compor a chapa de Wilson Witzel ao governo do estado do Rio, que tinha apenas 1% do eleitorado, mas que venceu o atual prefeito do Rio, Eduardo Paes, para o Palácio Guanabara, sede do governo estadual.

Em 2021, Witzel foi cassado e Castro assumiu o governo do estado em 2 de maio de 2021 e concorreu à reeleição, obtendo a vitória no 1º turno.

Publicidade