ataque com arma

Atirador mata 15 pessoas e fere mais de 20 em escola na Rússia

Vladimir Putin, presidente da Rússia, chamou o caso de “ataque terrorista desumano”.

atirador-mata-15-pessoas-em-escola-na-russia
Polícia ainda não identificou a motivação do ataque (Créditos: Reprodução/ Redes Sociais)

Um atirador deixou 15 pessoas mortas e mais de 20 feridas em uma escola na Rússia nesta segunda-feira (26). De acordo com as autoridades, ele usava uma camiseta com uma suástica.

Publicidade

A identidade do atirador, que cometeu suicídio, e a motivação para o crime não foram esclarecidos. A escola fica na cidade de Izhevsk, que fica cerca de 970 quilômetros a leste de Moscou. Dentre as 15 vítimas, 11 eram crianças.

O Comitê de Investigação da Rússia, que lida com crimes graves, disse que o atirador estava usando uma balaclava, touca que cobre toda a cabeça e o pescoço, deixando apenas os olhos e a boca visíveis. Ainda segundo comitê, dentre as vítimas adultas estão professores e seguranças. A escola onde ocorreu o crime atende cerca de mil alunos.

De acordo com a agência de notícias russa Tass, o agressor estava armado com duas pistolas e um grande suprimento de munição. O presidente da Rússia, Vladimir Putin, se pronunciou sobre o episódio. Putin “lamentou profundamente” o crime, que chamou de “ataque terrorista desumano”.

Publicidade