Multa

Donald Trump terá de pagar US$ 10 mil por dia por não entregar documentos

O ex-presidente supostamente teria omitido e talvez até fraudado algumas declarações sobre movimentações financeiras.

Donald Trump terá de pagar US$ 10 mil por dia por não entregar documentos
Donald Trump e seu filho, Donald Trump Jr., estão sendo investigados por supostas fraudes fiscais (Crédito: Drew Angerer/Getty Images)

Donald Trump foi acusado de desacato por um juiz da cidade de Nova Iorque por não colaborar com as investigações contra uma de suas empresas da Trump Organization. O juiz, Arthur Engoron, afirmou em audiência nesta segunda (25) que “leva seus negócios a sério assim como Trump”, e por isso entendeu como um desacato a não entrega da documentação requerida. “Eu, por meio deste documento, o responsabilizo por desacato civil e multo-o por US$ 10.000 ao dia até que resolva este desacato”, sentenciou o juiz.

Publicidade

O ex-presidente dos Estados Unidos supostamente teria omitido e talvez até fraudado algumas declarações sobre movimentações financeiras do seu conglomerado de empresas. Estas supostas fraudes poderiam acarretar em deduções fiscais e em vantagens de condições em empréstimos.

Publicidade

Segundo o jornal CNN, o escritório da Procuradoria-Geral estadunidense estaria investigando a Trump Organization há mais de dois anos, e que foram encontradas informações enganosas a dados entregues a seguradoras e outros órgãos. A Procuradoria se manifestou dizendo que “estão sendo prejudicados” por não receberem a documentação para que a apuração continue.

A defesa do ex-presidente republicano se manifestou dizendo que todos os documentos requeridos já foram entregues, e que entrará com um recurso em tribunais superiores a fim de reverter a decisão.

Publicidade