Volodymyr Zelensky irá discursar no Conselho de Segurança da ONU

O líder afirma que Kiev, capital do país, deseja uma investigação detalhada dos assassinatos que ocorreram na Ucrânia desde o início dos ataques russos

zelensky-diz-que-discursara-no-conselho-de-seguranca-da-onu-nesta-terca
Volodymr Zelensky (Créditos: Drew Angerer/Getty Images)

Volodymyr Zelensky, presidente da Ucrânia, disse que irá discursar no Conselho de Segurança da ONU nesta terça-feira (5). O líder afirma que Kiev, capital do país, deseja uma investigação detalhada dos assassinatos que ocorreram no país desde o início de ataques russos.

Publicidade

O presidente visitou a cidade de Bucha nesta segunda-feira (4), após dezenas de corpos serem encontrados pelas ruas. Volodymyr Zelensky afirmou ser “muito difícil negociar quando você vê o que eles fizeram aqui”.

De acordo com a CNN, o líder alertou que “quanto mais a Federação Russa adiar” as negociações com a Ucrânia, pior a situação se torna. Para ele, as negociações entre as nações são a “única opção”. Clement Beaune, Ministro de Assuntos Europeus da França, disse que a União Europeia deve adotar uma nova rodada de sanções contra a Rússia nesta quarta-feira (6).

Publicidade

Entenda o conflito

Desde o dia 24 de fevereiro, Vladimir Putin deu início ao conflito contra a Ucrânia ao bombardear regiões do país. A invasão contou com domínios por terra, mar e ar, após autorização do presidente russo.

Vladimir Putin não aceita que a Ucrânia faça parte da OTAN, uma aliança criada pelos Estados Unidos. O presidente não deseja que uma base inimiga seja estabelecida próxima a seu território, uma vez que a Ucrânia faz fronteira com a Rússia. Esse foi um dos estopins para que Putin iniciasse os ataques.

Publicidade