Fale conosco

O que vc está procurando?

Economia

Porto do Açu obtém licença para operar usina termelétrica movida a gás

porto-do-acu-obtem-licenca-para-operar-usina-termeletrica-movida-a-gas

O Porto do Açu, no norte fluminense, recebeu hoje (22), do governo do estado do Rio, licença para operar a primeira termelétrica operada pela Gás Natural Açu (GNA), que tem como acionistas as empresas Prumo Logística, a petroleira BP e a alemã Siemens. A usina, prevista para operar comercialmente no primeiro semestre de 2021, tem capacidade instalada de 1.338 MW, o equivalente ao suprimento de mais de 6 milhões de residências.

O documento foi entregue em cerimônia no Palácio Guanabara, na presença do governador em exercício, Cláudio Castro, e dos secretários da Casa Civil, Nicola Miccione, e do Ambiente e Sustentabilidade, Thiago Pampolha, além de representantes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e da GNA.

Na ocasião, o governador disse que pediu agilidade nos processos de licenciamento, por causa do impacto na qualidade de vida das pessoas, e ressaltou que isso foi feito com respeito a todas as regras e decisões técnicas. “Apenas a construção da termelétrica gerou mais de 11 mil empregos, além de abrir as portas para que outros grupos entendam que o Rio vai voltar a ser um local bom para investir “, afirmou.

A unidade é parte do maior parque termelétrico da América Latina. O projeto inclui a implantação de duas usinas térmicas movidas a gás natural (GNA I e GNA II) que, em conjunto, alcançarão 3 GW de capacidade instalada. Juntas, as duas térmicas vão gerar energia suficiente para atender cerca de 14 milhões de residências. O projeto compreende ainda um terminal de regaseificação de GNL (gás natural liquefeito), de 21 milhões de metros cúbicos por dia. O investimento total é de cerca de R$ 10 bilhões.

 

 

 

Agência Brasil

Veja também

Brasil

A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Secec-RJ), através da Lei de Incentivo à Cultura, a Oi Futuro...

Economia

O Estado do Rio de Janeiro vai pedir, em maio, adesão ao novo Regime de Recuperação Fiscal (RRF), que foi regulamentado ontem (20) pelo...

Economia

As próximas etapas do Pix, sistema de pagamento instantâneo do Banco Central (BC), podem incluir a implementação do Pix internacional, que permitirá a transferência...

Brasil

A persistência da pandemia do novo coronavírus e a fragilidade do processo de recuperação econômica apontam a necessidade de se estender a continuidade das...