CASO BRUNO KRUPP

Polícia quer ouvir médico que transferiu Bruno Krupp para UTI

Informações do médico da família e do laudo do hospital divergem sobre o estado do jovem.

Bruno Krupp segue internado em estado estável (Créditos: Rperodução)

O médico Bruno Nogueira Teixeira já está com depoimento marcado para explicar o porquê de ter emitido um laudo em que dizia que o influenciador Bruno Krupp tinha problemas nos rins e necessitava de internamento na UTI. Krupp é responsável por um acidente de moto em que atropelou e matou um adolescente de 16 anos no Rio de Janeiro.

Publicidade

Krupp pilotava perigosamente uma moto em alta velocidade na avenida Lúcio Costa, na Barra da Tijuca, quando atropelou o adolescente João Gabriel. Os dois foram levados ao hospital, Bruno segue internado, mas João Gabriel morreu após ter sua perna amputada no acidente.

O laudo do hospital Marcos Moraes informa que o modelo pode ser transferido para o sistema prisional e seguir em prisão preventiva, mas o médico contratado pela família de Krupp, Bruno Nogueira, afirma que o influenciador está com problemas nos rins e precisa ser transferido para a UTI.

A polícia quer, portanto, ouvir o médico e apurar uma possível falsidade ideológica e obstrução da justiça por parte do médico.

Publicidade