Ex-assessor de Trump

Steve Bannon é condenado por desacato à CPI que investiga invasão do Capitólio

Embora a pena ainda não tenha sido fixada, Bannon pode pegar até 2 anos de prisão por obstruir a investigação sobre o caso.

Steve Bannon é condenado por desacato à CPI que investiga invasão do Capitólio
Steve Bannon é um símbolo da direita nos EUA (Crédito: Chip Somodevilla/Getty Images)

A Justiça dos Estados Unidos condenou o ex-estrategista da campanha de Donald Trump, Steve Bannon, por desacatar intimações da CPI que investiga a invasão ao Capitólio. A sentença foi dada nesta sexta-feira (22) e foi comemorada por democratas.

Publicidade

Steve Bannon, de 68 anos, foi considerado culpado nas duas acusações que enfrentava, pois se recusou a depor para o comitê investigativo do Congresso e também se negou a entregar documentos para ajudar no inquérito. Cada uma destas condenações podem acarretar em prisão, com pena de 30 dias a até um ano em regime fechado. As sentenças também exigem o pagamento de multas que podem variar entre US$ 100 e US$ 100 mil. A pena ainda não foi fixada.

A decisão foi tomada por um júri composto por 12 pessoas, que demoraram por volta de três horas para anunciar a decisão.

A CPI apura o tumulto provocado por apoiadores de Trump no dia 6 de janeiro de 2021, quando aconteceu a invasão do Capitólio, com a tentativa de reverter o resultado das eleições presidenciais dos EUA. No dia 5 de najeiro, Bannon chegou a dizer em um podcast que “tudo vai pelos ares amanhã”.

Publicidade