CRIANÇAS PROTEGIDAS

Covid-19: São Paulo inicia cadastro de crianças para xepa de vacina

Aplicação dos imunizantes está acontecendo de segunda a sexta em UBSs da capital.

Covid-19: São Paulo inicia cadastro de crianças para xepa de vacina
Ao contrário das doses para “adultos”, a Pfizer Baby virá com tampa roxa. (Créditos: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Crianças com idades entre seis meses e três anos – sem comorbidades – podem ser cadastradas, em São Paulo, a partir desta quarta-feira (16) para as doses remanescentes (xepa) da vacina contra a covid-19 e Pfizer Baby, da tampa roxa. O cadastro pode ser feito nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da prefeitura.

Publicidade

Caso existam doses remanescentes da vacina próximo ao final das atividades de cada dia nas UBSs, as demais crianças dessa faixa etária podem tomar o imunizante, desde que sejam moradoras da região (deve ser apresentado comprovante de endereço para inscrição prévia).

Assim, nesta quinta-feira (17), quando começar a vacinação de bebês de dois anos, 11 meses e 29 dias com comorbidades, imunossuprimidos, com deficiência permanente e indígenas, as doses remanescentes já terão o destino certo.

Calendário

A Pfizer Baby contra a covid-19 pode ser administrada simultaneamente com as demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação para esse público, segundo o Ministério da Saúde.

Para o diretor da Coordenadoria da Vigilância em Saúde (Covisa) de São Paulo, Luiz Artur Caldeira, a estratégia da administração municipal é priorizar as doses ao grupo elegível e facilitar o acesso a todos. A vacinação ocorrerá nas UBSs, de segunda a sexta-feira, e aos sábados nas Assistências Médicas Ambulatoriais AMAs/UBSs integradas, das 7h às 19h.

Publicidade

Os endereços das UBSs podem ser consultados no link do Busca Saúde.